Abertura Oficial celebra os 25 anos de sucesso da Feicoop

16/07/2018

Início da Abertura Oficial da 25ª Feicoop. Foto Maiquel Rosauro

 

A Abertura Oficial da 25ª Feira Internacional do Cooperativismo, 3º Fórum e 3ª Feira Mundial de Economia Solidária reuniu dezenas de autoridades na tarde desta sexta-feira (13), em Santa Maria. O encontro foi marcado pela defesa da Economia Solidária.

Antes do início da cerimônia, o Levante Popular da Juventude realizou a tradicional Caminhada pela Paz e Justiça Social, que este ano partiu do Colégio Irmão José Otão. Os jovens foram acompanhados pelos parentes de Isadora Viana Costa, que portavam cartazes cobrando justiça pelo assassinato da jovem.

No Palco da Feira, minutos antes da abertura, foi feita uma homenagem póstuma ao professor Paul Singer, a vereadora Marielle Franco, a jovem Isadora, a Dom Ivo Lorscheiter e para parceiros da Feicoop que morreram no último ano.

O arcebispo de Santa Maria Dom Hélio Adelar Rubert iniciou a Abertura Oficial com uma benção a todos os presentes. Em seguida, diversas autoridades se revezaram no microfone, todas destacando a importância da Economia Solidária para o desenvolvimento social.

A coordenadora do Projeto Esperança/Cooesperança e vice-presidente da Cáritas Brasileira, irmã Lourdes Dill, defendeu políticas públicas para a Economia Solidária e também um fundo próprio para a realização da Feira.

"Nada derruba essa Feira, nem a gripe e nem a toxoplasmose prefeito!", disse a religiosa.

Entre as autoridades que subiram ao palco, ninguém foi mais aplaudido do que o ex-governador do Rio Grande do Sul, Olívio Dutra (PT). O Galo Missioneiro disse que a Feicoop é um bom exemplo de protagonismo do povo.

"Temos esse papel de resistir e lutar para contribuir com um mundo de paz e justiça social", afirmou Olívio.

Destaque também para o reitor da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Paulo Burmann. A instituição é parceira do Projeto Esperança/Cooesperança desde o início da Feira e hoje seria impossível fazer a Feicoop sem o apoio da Pró-Reitoria de Extensão da UFSM.

"A UFSM está aqui porque é pública, é nossa, é do povo brasileiro. Por isso, temos o dever de estar na Feicoop", destacou Burmann.

O presidente da Câmara de Vereadores de Santa Maria, Alexandre Vargas (PRB), e o vereador Daniel Diniz (PT) entregaram para a irmã Lourdes uma moção de congratulações aprovada pelos 21 parlamentares do município. Entre os edis, Celita da Silva (PT) e Valdir Oliveira (PT) também estiveram na cerimônia.

O deputado federal Paulo Pimenta (PT); os deputados estaduais Valdeci Oliveira (PT) e Elvino Bohn Gass (PT); o pré-candidato a governador pelo PT, Miguel Rossetto; o diretor-executivo da Cáritas Brasileira, Luiz Cláudio Mandela; e o secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, Tarcisio Minetto; também acompanharam a Abertura Oficial.
 
O ato foi encerrado com discurso do prefeito de Santa Maria, Jorge Pozzobom (PSDB), que pelo segundo ano consecutivo atua como coordenador da Feira, representando a Administração Municipal na Feicoop.

"A Feira é um dos maiores eventos que temos aqui em Santa Maria. Nossa cidade é abençoada por ter 25 anos de Feicoop", finalizou Pozzobom.

PROGRAMAÇÃO OFICIAL DA 25º FEICOOP.

PROGRAMAÇÃO DE ATIVIDADES CULTURAIS DA 25ª FEICOOP.

Informações sobre a 25ª Feicoop
A Feira
A Feicoop é uma grande escola de organização, formação de convivência, do voluntariado e dos Movimentos Sociais e Economia Solidária. São 25 anos de construção coletiva e interativa. É um braço do Fórum Social Mundial que constrói um “Outro Mundo Possível” e uma “Outra Economia que já Acontece!”. A entrada é gratuita.

Tema desta edição
Construindo a sociedade do bem viver: por uma ética planetária

Horários de visitação
Sábado (14) - 7h30min às 20h
Domingo (15) - 7h30min às 18h

Abertura Oficial
Sexta-feira (13), às 16h, no Palco da Feira (Parque da Medianeira)

Exposição
Serão expostos na Feira cerca de 10 mil produtos, entre agroindústria familiar, artesanato, alimentação, hortifrutigranjeiros, plantas ornamentais, serviços e produtos de povos indígenas.

Estimativa de público 
Para esta edição, são esperadas 300 mil pessoas durante os quatro dias de evento. Ano passado, foram 255 mil visitantes oriundos de todos os estados brasileiros (mais de 500 municípios) e 20 países (África do Sul, Alemanha, Argentina, Brasil, Chile, China, Colômbia, Costa do Marfim, Cuba, Equador, Espanha, Hungria, Itália, México, Nicarágua, Paraguai, Peru, Portugal, Senegal e Uruguai).

Diferenciais do evento
Durante a Feicoop ocorrem práticas do comércio justo e consumo ético e solidário, trocas solidárias com moeda social e muitas atividades de formação e interação. Na Feira não há consumo de cigarros e a água não é comercializada durante o evento. A Economia Solidária entende que a água é um bem universal e um patrimônio da humanidade.
Refrigerantes também não são vendidos. Os produtos oferecidos na Feira são de procedência ecológica. A organização do evento trabalha com a teoria e a prática, articulando campo, cidade e as diferentes culturas e etnias.

Infraestrutura
A área total da Feicoop é superior a 20 mil m², incluindo os pavilhões do Centro de Referência de Economia Solidária Dom Ivo Lorscheiter, parte do Parque da Medianeira e o Colégio Irmão José Otão. 

Organização
A Feicoop é organizada pelo Projeto Esperança/Cooesperança (da Arquidiocese de Santa Maria) e Prefeitura Municipal de Santa Maria, com apoio de Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Cáritas Brasileiras, entre outras instituições.

O que é Economia Solidária
É um jeito diferente de produzir, de comprar, de trocar, de vender, de consumir produtos, oferecer e receber crédito. O que move esta economia é o desejo de que não existam excluídos, que a riqueza produzida no trabalho seja partilhada e que todos tenham qualidade de vida.
A Economia Solidária é também uma estratégica de desenvolvimento sustentável que considera todas as dimensões (econômica, social, cultural, ambiental, política...).

Feicoop no Facebook
Curta a fanpage do evento: https://www.facebook.com/feicoop

Telefones para contato sobre a Feira
Fale diretamente com o Projeto Esperança/Cooesperança, pelos fones: (55) 3219-4599 e (55) 3223-0219.

 

Levante Popular da Juventude. Foto Maiquel Rosauro

 

Homenagem à Marielle Franco e Isadora Viana Costa. Foto Maiquel Rosauro

 

Público que acompanhou a cerimônia de abertura. Foto Maiquel Rosauro

 

Encerramento da cerimônia de abertura. Foto Maiquel Rosauro


Maiquel Rosauro (Jornalista, MTB/RS 13334)
Assessor de imprensa - 25ª Feicoop
3º Fórum e 3ª Feira Mundial de Economia Solidária
(55) 996-811-384

 

 

Please reload

 Posts em Destaque

FEIRÃO  ESPECIAL  DOS  PAIS

August 10, 2019

1/10
Please reload

Arquivos
Please reload

Pesquisa por tags
Please reload

Siga-nos
  • Facebook Basic Square

© 2023 Projeto Esperança/Cooesperança - Santa Maria - RS - Brasil  - Fones (55) 3219.4599 / 3223.0219                               Site desenvolvido por: Vida Grafi - Santa Maria - RS